À espera de Rogério Ceni, Cruzeiro busca boa impressão ao novo treinador e saída do Z-4

Publicado em 11/08/2019 às 08:40h

À espera do anúncio do novo treinador, que deve ocorrer até o começo da semana e será definido entre Dorival Junior e Rogério Ceni, o Cruzeiro tentará mudar a rota pela qual vem caminhando no Campeonato Brasileiro e encerrar o jejum de gols na temporada e de vitórias na competição nacional. Um triunfo, neste domingo, às 16h (de Brasília), na Ressacada, diante do Avaí, tira a Raposa da zona do rebaixamento.

Com Ricardo Resende como técnico interino, o time tentará voltar a vencer na competição nacional após 10 rodadas, o que o faz ocupar uma das posições da zona de rebaixamento no momento. Também servirá para encerrar o maior jejum de gols da história do clube: oito partidas sem balançar as redes.

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Rogério Ceni é o nome forte, no momento, para assumir o Cruzeiro — Foto: JL Rosa/SVM

Se conseguir um bom resultado, deixará uma impressão para o treinador que virá para o lugar de Mano Menezes, que deixou o cargo na última quarta, após a derrota por 1 a 0 para o Internacional, no Mineirão, pelo primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil.

A diretoria cruzeirense trabalha para fechar com o novo treinador até o começo da semana. O favorito é Rogério Ceni, atual treinador do Fortaleza. O clube já negocia com o treinador e o clube cearense, mas, se fechar com ele, só irá oficializar após a partida do clube contra o CSA, que ocorre nesta segunda-feira. Nos bastidores do clube, há confiança que possa ocorrer um acordo.

Outra opção é Dorival Junior. Atualmente sem clube, ele está a passeio com a família nos Estados Unidos e já se mostrou interessado em conversar com a Raposa. Entretanto, até o momento, não houve evolução em relação ao primeiro contato realizado.

Dorival Júnior é outra opção para comandar o Cruzeiro — Foto: Douglas Magno/BP Filmes

A expectativa é que o novo treinador cruzeirense seja anunciado até terça-feira pela diretoria, que trabalha em silêncio e não estabeleceu um prazo para a definição do novo treinador. Mas o pensamento é trazê-lo no início da semana, principalmente porque o time terá três semanas "cheias", o que será importante para o novo treinador conhecer melhor o grupo.

Enquanto não define o novo treinador, o Cruzeiro vai sendo comandado por Ricardo Resende, treinador do Sub-20 do clube desde o ano passado. É a primeira experiência em um time profissional do treinador. Pela base, ele venceu o Mineiro do ano passado. Fonte: GE


PUBLICIDADE