Após polêmica, Raquel Pacheco confirma continuação do filme ‘’Bruna Surfistinha’’

Publicado em 20/07/2019 às 10:50h

Bruna Surfistinha

Após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) declarar que não vai ‘’admitir’’ que o dinheiro público seja utilizado para a produção de filmes como ‘’Bruna Surfistinha’’, a ex-prostituta, Raquel Pacheco, afirmou que o longa terá uma continuação em breve. Segundo a publicação do Extra, a sequência do filme está sendo produzida. 

No entanto, a nova versão não contará com a participação de Deborah Secco, que deu vida a protagonista do filme. A atriz alegou que está em busca de novos personagens.  

O longa, que estrelou em 2011, levou mais de 2 milhões de pessoas aos cinemas brasileiros.  

200 dias de governo – Na solenidade de 200 dias de governo, realizada nesta quinta-feira (18), Bolsonaro também afirmou que pretende mudar a sede da Agência Nacional do Cinema (Ancine), atualmente localizada no Rio de Janeiro, para a capital federal. Fonte: BNews


PUBLICIDADE