PDT pediu cargos para apoiar Haddad, aponta coluna

Publicado em 11/10/2018 às 09:17h

O PDT, partido de Ciro Gomes, pediu uma série de cargos para oficializar apoio ao candidato Fernando Haddad (PT), que disputará o segundo turno contra Jair Bolsonaro (PDT).

De acordo com a Coluna do Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, petistas mencionaram que os pedetistas pediram o comando da Casa Civil, o Ministério do Planejamento, o Banco do Nordeste, um ministério para Carlos Lupi [presidente do PDT], além da presidência do Senado para Cid Gomes.

No entanto, no fim das contas, deverá ficar só com dois cargos em caso de eleição de Haddad.

Ao diário paulista, a campanha de Haddad negou que esteja negociando cargos. Fonte: Bocão News


PUBLICIDADE