Moranguinho tirou a roupa em boate após ciúme de Naldo, em NY, há quatro anos

Publicado em 07/12/2017 às 09:39h

Naldo e Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho

Não foi a primeira vez que Naldo Benny e Moranguinho tiveram uma briga que culminou em agressão. Em março de 2013, o casal se estranhou numa badalada boate de Nova York. A confusão teve início depois que o cantor reclamou da transparência da roupa da mulher. Irritado, ele começou a sensualizar na pista de dança com os amigos para provocar Moranguinho, levantando a camisa enquanto requebrava no melhor estilo go go boy.

Naldo e Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho: cenas de ciúme constantes Foto: reprodução/instagram

Naldo e Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho: cenas de ciúme constantes Foto: reprodução/instagram

Cansada de ser ignorada pelo marido, Ellen resolveu dar o troco: tirou a blusa e o sutiã,fazendo topless na casa noturna. O furdunço foi geral. "Ele a segurou pelo braço e começou a gritar com ela. Estava muito nervoso, enfurecido", relata um brasileiro que estava no lugar. Ao ser repreendida pelo marido, Moranguinho tentou argumentar: "Se você pode (sensualizar), eu também posso".

Segundo pessoas próximas do casal, esta não foi a primeira vez que Naldo perdeu a cabeça por ciúme. Moranguinho já se queixou do comportamento controlador do cantor, que a proíbe de trabalhar.

Naldo e Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho: cenas de ciúme constantes Foto: reprodução/instagram

Na época, Moranguinho negou a informação dada pelo EXTRA, dizendo que a sua felicidade conjugal incomodava os outros: “Não fui a nenhuma boate e jamais tiraria a roupa em público. Isso nunca aconteceu. Acho que a minha felicidade incomoda muita gente".

O cantor Naldo Benny e a mulher Ellen Cardoso Benny Foto: Reprodução Facebook

Prisão em flagrante por porte de arma

O cantor Naldo Benny foi preso nesta quarta-feira em casa, na Freguesia, na Zona Oeste do Rio. Ele foi denunciado pela mulherpor agressão, no último sábado. A Delegacia de Atendimento a Mulher (DEAM) de Jacarepaguá encontrou na casa do casal uma pistola calibre 7,65 sem registro e munição. Naldo foi levado à delegacia e autuado em flagrante por porte ilegal de arma. Ele foi solto logo depois, após pagar fiança, de valor não divulgado. Fonte: Extra/Globo


PUBLICIDADE