Sargento Isidório afirma que só concorre a deputado federal “se Deus permitir”

Publicado em 17/06/2017 às 08:57h

De saída do PDT, o deputado estadual Pastor Sargento Isidório arriou suas malas no novo partido chamado de Avante - o antigo PTdoB que mudou de nome.  Indagado pelo BNews nesta semana se a troca de sigla perpassa nos planos dele para tentar uma vaga de deputado federal no pleito do próximo ano, o ex-pedetista desconversou. Colocou a disposição de Deus a sua vontade.

“Olha, eu sou candidato a federal se Deus quiser e permitir. Vontade não falta, mas primeiro tem que saber do povo. Musculatura de voto para tentar eu acho que eu tenho, mas não depende só de mim”, afirmou.

Desde 2015 já se pregava Isidório candidato à Câmara Federal, principalmente quando ele saiu do PSB e migrou para o PROS. Por ter sido o deputado estadual mais votado de 2014 em Salvador, a base do governador Rui Costa (PT) o impulsionou como candidato a prefeito em 2016 na tentativa de ajudar a contrapor o projeto do prefeito ACM Neto (DEM) e, em troca, lhe daria o apoio a deputado federal.

Neste meio tempo foi para o PDT e agora deixou a sigla capitaneada pelo deputado federal Félix Mendonça Júnior (PDT). Isidório afirmou que deixou sua antiga sigla, a qual concorreu a prefeito de Salvador em 2016, sem nenhuma rusga ou briga.

“Eu saio sem briga! Lógico que eu via uma mal estar por conta dos meus posicionamentos, pois eu sou contra casamento de pessoas do mesmo sexo, sou contra liberação de drogas e tinha gente que se incomodava, por isso busquei sair de forma tranqüila”, explicou.  

Sobre o novo partido, disse vai ser o capitão. “Devo assumir o partido aqui na Bahia. Entre ser capitão e ser soldado, preferi ser capitão”. Fonte: Bocão News


PUBLICIDADE